ACERCA DE MIM

 

Chamo-me Rui Jorge Santos Costa, nasci a 14 de novembro de 1975, sexta feira, nessa altura ainda sem barba (ou cabeleira). Nesse tempo ainda os meses se escreviam com maiúscula. Sou apaixonado por Fotografia (a que ainda se escreve com maiúscula) desde que lembro de existir.

Ainda assim, só com 16 anos, já a meio de 1991, tive finalmente oportunidade de ter a “minha” primeira câmera, uma Nikon FE2 apetrechada de 3 objectivas Nikkor, a saber: uma 24mm ƒ/2.8, uma 50mm ƒ/2.8 e uma 70-200mm. Aquele “minha”, ali em cima, ente aspas, descreve o estado de empréstimo que estava associado àquela Nikon. A minha namorada na altura, casada comigo desde 2002 e mãe das minhas filhas Beatriz e Catarina, é, no fundo, a responsável por eu ser fotógrafo. Há quem diga que o caminho mais curto para o coração de homem é o estômago, no meu caso foi claramente uma “câmera fotográfica”.

Desde esse primeiro grande contacto com uma câmera “a sério” até ter o meu primeiro “estúdio” (no sótão da casa dos meus pais) passou apenas um ano e meio e envolveu, claro, gastar todo o dinheiro ganho no verão para o poder fazer. O dinheiro mais bem gasto de toda a minha vida!

Desde então e até há cerca de uma década, fotografei de forma mais ou menos intermitente. Dividi-me noutros tempos entre a Bioquímica, a Biologia, e os projectos de interesse pessoal. Iniciei o meu primeiro projecto empresarial na áreas das T.I. em 1999 e passei por muitos projectos interessantes, nos quais se incluem 4 projectos empresariais. Trabalhei com e para mais 300 empresas em Portugal e no estrangeiro. Um dia, por conta de um alojamento forçado no Serviço de Cardiologia Hospital dos Covões, percebi que o mais interessante de todos continuava a ser a Fotografia. Foi simples! Voltei a casa e à Fotografia.

Desde 2012 que me dedico exclusivamente à Fotografia. Estou normalmente mais empenhado numa abordagem tradicional à fotografia de paisagem, com o P&B como base de trabalho e com a impressão como fim último para qualquer imagem que produzo. Sou dessa estirpe de teimoso, sim!

Partilho tudo o que posso com quem me quer ver, ler e ouvir. Ensino através dos diversos workshops que ministro pela Viewpoint.STUDIO e continuo a estudar fotografia quase diariamente. Tenho também um canal de Youtube onde vou partilhando alguns conteúdos, mas falta a pachorra para ser mais consistente, embora  ultimamente tenha feito um esforço extra para o manter actualizado.

Fui sócio e co-fundador da Viewpoint Tours, da Viewpoint.LAB e da Viewpoint.Studio, mas a pandemia fez das suas e resolvemos fundear o projecto à espera de melhores dias. Sou o homem a quem se atribui a responsabilidade da criação da Pigmento Coolectivo, provavelmente a mais pequena Print Shop do planeta (talvez esteja a exagerar) e do Colectivo 35, mas sou, acima de tudo, pai, marido e fotógrafo. Sou imensamente feliz!